Oficina de Expressão mostra atividades na praça

09-01-2011 18:51

Seg, 06 de Setembro de 2010 13:32

PDF

Oficina de Expressão mostra atividades na praça


            Brincar, preservar e crescer como cidadão. Eloisa Silvaneres Santana, 13 anos, Izabele Alves Santana de Souza, 11 anos, e Pedro Henrique Pacheco, 10 anos, estão neste caminho. Eles fazem parte do grupo de crianças e adolescentes que participam da Oficina de Expressão Hugo Gonçalves, mantido pela Associação de Proteção à Maternidade e Infância (APMI).

Eloisa é aluna da 7ª série do Colégio Olavo Bilac e mora no conjunto habitacional José dos Santos Rocha, conhecido como Mutirão. Está na Oficina de Expressão há dois anos e meio. Izabele cursa a 5ª série no Colégio Érico Veríssimo. Mora no Jardim Santo Antonio e participa da Oficina de Expressão desde 2004. Pedro Henrique está na 4ª série, na Escola Helena Kollody, e mora no Jardim Santa Helena.
No trabalho de reciclagem Pedro gosta de mexer com plástico. Entre as peças que ela mais produziu até agora estão os cavalos de cabeças feitas com garrafas pet presas em cabos de vassoura. Mas Pedro também já produziu muitos vai e vem, também com garrafas recicladas. Eloisa já montou porta retratos com plástico. Izabele menciona os biblioques, também conhecidos como bilboquê. Os três dizem que tem muito apoio dos pais nas atividades da Oficina de Expressão.
Parte dos trabalhos produzidos pelas crianças e adolescentes foram mostrados na Praça Getúlio Vargas, centro de Cambé, durante as comemorações da Semana da Pátria. Por um dia a diretora da Oficina, Sandra Oficina de Expressão mostra atividades na praçaRegina Barusso Bordini, e a coordenadora pedagógica Adriana Eli Alves Fávaro acompanharam coordenadores e participantes do programa, que apresentaram suas produções.
Além de peças de plástico, os visitantes conheceram boletins informativos com todas as atividades desenvolvidas na Oficina de Expressão, vasinhos de flores e até pacotinhos de casca de laranja cristalizada, com direito a receber junto a receita de como fazer o preparo.
De acordo com as informações contidas no boletim, estão em funcionamento as oficina de construção (leitura e escrita), artes (desenho, pintura e confecção de brinquedos), dinâmica e reflexão (conversas sobre família, amor, paz e harmonia), golf, horta, orquidário, amor consciente (valorização do corpo e da família), mídia (opiniões e atividades de cidadania), ateliê criativo (bordado e pintura), brinquedoteca, culinária, esporte, informática, música, bate lata (instrumentos musicais) e arte.

 



Alunos entrevistam escritora de Cambé

PDF

Alunos entrevistam escritora de Cambé

 

        A Escola Municipal Pedro Tkotz, do Parque Manella, realizou mais uma edição do Projeto de Literatura Desabrochando Talentos, com a visita ao estabelecimento de ensino feita pela escritora cambeense Leonilda Bissoqui.

Os alunos de terceira e quarta séries, que participam do projeto, entrevistaram a escritora, que declamou poesias, leu um conto preferido e presenteou a biblioteca da escola com exemplares de seu último livro, Caminhos.
Os escolares foram convidados a participar do sarau literário que a escritora realiza eventualmente em sua residência.

Jardim Santo Amaro ganha academia ao ar livre

 

PDF

        Os moradores do Jardim Santo Amaro e região terão mais uma opção para manter a saúde e melhorar a qualidade de vida. O prefeito João Pavinato anunciou, durante reunião com a comunidade, a instalação de uma academia ao ar livre na Avenida José Afonso dos Santos na esquina da Escola Municipal Pe. Symphoriano Koff. A proposta da instalação da academia surgiu da própria comunidade que recolheu mais de 700 assinaturas em um baixo-assinado endereçado ao prefeito.

Durante reunião, que contou com a presença de mais de cem moradores, além de vereadores, secretários municipais e a vice-prefeita, João Pavinato informou que a reivindicação da comunidade será atendida e passou orientações de como a academia irá funcionar. Serão instalados dez aparelhos de ginástica projetados para fortalecer a musculatura, melhorar a resistência e aumentar a flexibilidade dos usuários. A prefeitura vai investir cerca de R$ 33 mil para a preparação do terreno e implantação da academia. A Companhia de Desenvolvimento de Cambé, a COMDEC, responsável pela obra, prevê que até o fim do ano a comunidade do Jardim Santo Amaro já poderá desfrutar dos benefícios da academia ao ar livre. Esta será a segunda a ser instalada em Cambé. A Praça dos Pioneiros no Jardim Sela já conta com uma academia ao ar livre com grande aprovação da população. A prefeitura também implantará mais uma academia na Rua Curitiba na Vila Mesquita.

Escola do Bratislava ganha mais salas de aula

PDF

Escola do Bratislava ganha mais salas de aula

 

    


O prefeito João Pavinato lançou oficialmente as obras de reforma da Escola Rural Municipal Ana Zichack Mazzei, no Bratislava. O estabelecimento de ensino, que tem três salas de aula e atende 34 alunos no período da manhã, ganha mais duas salas e terá capacidade para atender até 125 alunos. As obras, executadas pela Companhia de Desenvolvimento de Cambé (Comdec), já foram iniciadas.

A solenidade de lançamento reuniu alunos, pais de alunos e representantes da comunidade. O prefeito João Pavinato foi acompanhado pela vice-prefeita Cidinha Pascueto, pela presidente da Associação de Proteção à Maternidade e Infância (APMI) Ana Paula de Angeli Andrade e a secretária municipal de Educação, Cláudia Aparecida Paschoal de Souza. Participaram também a diretora da escola, professores e funcionários.
Em seu pronunciamento, o prefeito João Pavinato disse que a escola está localizada em região de condomínio de chácaras e que havia a intenção de desativar o estabelecimento de ensino. Porém, acrescentou o prefeito, o crescimento populacional projetado para a localidade com a vinda de condomínios residenciais fez com que a atual administração municipal fizesse uma revisão. Assim, em vez da desativação, optou-se pela melhoria e ampliação do estabelecimento de ensino, de forma que os moradores possam contar com uma educação de qualidade perto de suas moradias.
A Escola Rural Municipal Ana Zichack Mazzei surgiu em 1944 e era administrada pela Secretaria Estadual de Educação. Na época, era denominada Escola Municipal Bratislava. Em 1980 passou a ser administrada pela Secretaria Municipal de Educação de Cambé e em 1990 recebeu melhorias, entre obras de reforma, construção de cantina e pátio coberto para servir a merenda escolar.
Só em 1999 ganhou o nome de Escola Rural Municipal Ana Zichack Mazzei. O quadro de pessoal atual é composto por uma diretora, quatro professores, duas zeladoras e um guarda.

 

Qui, 26 de Agosto de 2010 19:48

Comdec amplia sede do Corpo de Bombeiros

        A ampliação da sede do Corpo de Bombeiros de Cambé, iniciada há pouco mais de um mês, fica pronta antes do prazo de oito meses estabelecido no organograma da obra. A construção de duas novas salas, com recursos do Fundo de Reequipamento do Corpo de Bombeiros (Funrebom), é feita pela Prefeitura de Cambé, através da Companhia de Desenvolvimento de Cambé (Comdec).

A área total da obra é de 97,46 metros quadrados e o investimento é de R$ 111.570,00. Uma das salas será destinada ao setor de comunicação do Corpo de Bombeiros. A outra abrigará o setor administrativo. A fase de construção das lajes foi iniciada e a previsão dos responsáveis pela execução é de que em 60 dias a obra esteja pronta.
Fundado em novembro de 1992, o Corpo de Bombeiros de Cambé tem novo comando. O tenente Rodrigo da Costa Teixeira substituiu o comandante O Tenente Costa é o novo comandante do Corpo de Bombeiros de CambéAlessandro Marques dos Santos, que foi transferido para Londrina.
Com duas viaturas de combate a incêndio e resgate, uma ambulância para o Siate e dois veículos menores, a corporação opera hoje com um efetivo de cerca de 20 soldados. Atualmente, 47 candidatos aprovados em concurso paraticipam de curso de formação de novos bombeiros. A expectativa é de que pelo menos cinco deles sejam designados para Cambé, segundo o comandante Rodrigo da Costa Teixeira. Ele é instrutor de uma das matérias do curso, a de controle a incêndios.
Segundo o cabo Ronaldo Arruda de Oliveira, a corporação de Cambé atende atualmente a uma média diária de cinco ocorrências de queimadas e de três atendimentos de socorro pelo Siate.
A quantidade de viaturas é considerada suficiente para o número de soldados disponíveis na corporação. Mas a possibilidade da incorporação de mais soldados é vista com otimismo pelo novo comando.
Quanto às queimadas, o cabo Ronaldo Arruda de Oliveira reforça pedidos feitos insistentemente aos agricultores e também aos moradores de áreas urbanas, para que evitem fazer queimadas. Arruda diz que parte das ocorrências na zona rural são resultados dessa prática após a colheita de trigo. Na área urbana, algumas pessoas ainda tem o hábito de queimar folhas secas nos quintais ou nas ruas, com o risco do fogo atingir o mato de terrenos vazios.

 

Moradores do Ana Rosa discutem solução de poluição com empresa de fertilizantes

Qui, 26 de Agosto de 2010 17:53

        Representantes da Prefeitura de Cambé, da Câmara de Vereadores, dos moradores do Jardim Ana Rosa e da empresa de fertilizantes Bunge se reuniram no Salão do Zé do Mé na tentativa de solucionar problemas dos quais a população da região reclamava. A realização da reunião foi de iniciativa da Ouvidoria Municipal que tinha registrado no mês anterior várias reclamações dos moradores sobre a emissão de uma poeira branca vinda da empresa.

A ouvidora municipal, Josiane Ribeiro dos Santos Brito, abriu a reunião relatando que informou a empresa sobre o problema e que os representantes da Bunge, Ricardo Mosimann Silveira, gerente nacional de qualidade e meio ambiente, e Luiz Marques, responsável técnico pelas atividades da empresa em Cambé, apresentariam as soluções para o impasse.
Ricardo Silveira declarou que a empresa readequou o sistema de carga de seus produtos em trens ou caminhões de modo a evitar a emissão da poeira. O gerente da Bunge explicou que o pó branco não é nocivo à saúde ou à natureza e afirmou que a empresa está constantemente investindo para minimizar o impacto no meio ambiente.
Os moradores afirmaram que, após as reclamações, o problema foi reduzido e que praticamente não havia mais o incomodo da poeira branca.
O presidente da câmara, Júnior Félix, juntamente com os vereadores Cecílio Araújo, Zezinho da Ração e Oswaldo do Ana Rosa, colocaram a Câmara Municipal à disposição da população e da empresa como mediadora na solução do problema.
Paulo Cesar de Godói, responsável pelo controle ambiental da Secretaria de Meio Ambiente, afirmou que vai acompanhar de perto a reclamação da população e a disposição demonstrada pela Bunge em solucionar o problema definitivamente.

 

 



Governador e Domadora do Lions Clube são decretados Hóspedes Honorários de Cambé

Seg, 23 de Agosto de 2010 14:32

        Em solenidade realizada na Prefeitura de Cambé, o prefeito João Pavinato assinou o decreto que titula como hóspedes honorários da cidade o governador distrital do Lions Clube, Acir Luiz Siqueira, e sua esposa, a domadora Yurika Takahara Siqueira.

João Pavinato elogiou o trabalho desenvolvido na cidade pelo Lions Clube de Cambé e o Lions Clube Aliança e ressaltou a importância do voluntariado. “Vivemos ainda em um mundo egoísta e ações voluntárias, como as que o Lions Clube desenvolve, são essenciais para mudar isso, para transformar a sociedade, tornando-a mais humana, mais fraterna”.
O governador parabenizou a cidade e agradeceu a prefeitura pelo apoio dado às ações leonísticas. “Só temos que agradecer a Cambé pela recepção e pelo espaço que temos para desenvolver nossas atividades. Temos duas sedes na cidade, enquanto em Londrina, por exemplo, não temos nenhuma. Isso é um sinal de que nosso trabalho aqui é valorizado e tem muito apoio”, afirmou Acir Luiz Siqueira.

Contatos

Focolondrina

focolondrina@hotmail.com

Av: Do Sol nº.541 Jd do Sol - Londrina-PR

(43) 9 9903.6667

Procurar no site

Notícias

03-05-2016 17:02

PREVENÇÃO UMA PRIORIDADE PARA SEGURANÇA DA POPULAÇÃO

14/01/2016       No dia 27 de janeiro próximo, fará 3 anos que 242 jovens morreram no incêndio da Boate Kiss, na verdade eles foram vítimas da falta de informação de como se proteger em um incêndio, acredito que se eles tivessem tido o mínimo de informação teriam se...

noticia

Esta seção está vazia.

 


 

 

 

 

 

 

 Aliança em benefício da vida

Foto: Focolondrina

    Quando se fala em segurança para sua família, não pode ter divergência política ou partidária, porque a família é muito mais importante que tudo.

    Não devemos nunca deixar que oportunista se aproxime ou manipule um líder comunitário para promover a discórdia em beneficio de si mesmo.

    A FECAMPAR (Federação das Entidades Comunitárias e Associações de Moradores do Paraná), conseguiu pela primeira vez no Paraná, organizar aquilo que parecia impossível, juntar políticos sindicalistas e empresários, todos com o mesmo objetivo, levar ate o Governo uma renvidicação que há décadas passavam despercebidas, a prevenção de incêndio e o controle de pânico nas Escolas do Paraná, com essa integração conseguimos sensibilizar o nosso Governo e o nosso objetivo  esta sendo alcançado.

    Agora esperamos que as administrações Municipais  tenham a mesma consciência e procure estar também  integrada com o Governo  Estadual e Federal  e não mais promover  a desgraça  de muitos em beneficio de poucos.

     Precisamos que o projeto brigada escolar seja estendido para todas as Escolas Municipais e que o pesadelo de Uruguaiana e Santa Maria sirva de lição para todos nós, tornando a integração o melhor caminho para termos uma sociedade justa e igualitária.

    Esta aliança não será usada para beneficiar estes ou aqueles grupos políticos, ela foi organizada para provar para o Paraná que o Governo e o Povo devem estar integrados com o mesmo objetivo. Salvar vidas.

    A FECAMPAR regional Londrina agradece publicamente a toda equipe da Organização Comunitária Focolondrina, aos Vereadores, Péricles Deliberador, Marcos Belinati, Roberto Fu, Wilson Bitencortt, ao Deputado Estadual Belinati, ao Presidente da Nova Central dos Trabalhadores do Paraná Denílson Pestana da Costa, ao Dr. Marcelo Belinati, ao Presidente da Câmara de Vereadores de Cambe Eliseu Vidotti, ao Deputado Federal Luiz Carlos Hauly, ao Presidente do PSDC de Londrina Bruno Ubiratã, ao Presidente do PSDC Estadual Luiz Adão, ao Empresário Luciano Pizzato, SINTRAMICA, SENALBA Londrina, SECRASO NP, Sindicato dos Vigilantes de Londrina e região, Cooper Fire Extintores, Ulisses Sabino, também ao   Presidente  do SINDISERV   Marcelo Urbaneja, Eder Pimenta, Presidente da FEMOCLAM  Nilson Pereira,  Geonisio Marinho, Valdenir Dielly Dias, aos   gabinetes  dos  Vereadores  Péricles, Wilson Bitencort,  Roberto Fu, Marcos Belinati,  Jurandir Rosa  Diretor do Jornal A SEGURANÇA METROPOLITANA  de Londrina, Carlos Zapata do Jornal voz de Ibaiti, ao  amigo Messias Lima, Lineu Tomass, Carioca, também aos   Assessores  do Deputado Belinati,  Baixinho, Aguilera, em Especial ao Ratinho Junior,  Ministério Público, ao   Governo do  Paraná Beto  Richa e tenho a certeza que  seus  apoios  foram de grande importância na formação e  organização no  projeto da aliança de integração Comunitária  do Paraná.

    A FECAMPAR Regional Londrina em nome do povo do Paraná, agradece a todos e que Deus Abençoe a cada um por estar ajudando de alguma forma buscar mais segurança para nossa família.

           Celso Melchiades

    Vice Presidente Fecampar

 

 

 

Será que um dia poderemos ter realmente algum direito?

 
19-02-2013 13:22

2011-04-16 10:33

 

 

     Sonho! Nos vivemos de sonho e esperança ,os movimentos populares lutam para que os sonhos se torne realidade e  os direitos de cada cidadãos sejam respeitados.

   Sempre foi este o verdadeiro papel das associações de moradores, mas a partir do momento que o líder da entidade se mostrava competente e determinado na defesa dos direitos de sua comunidade. 

    Imediatamente aguçava a cobiça de mercenários, que procura sempre calar a boca de líderes comunitários a qualquer preço e assim fazer com que as reivindicações daquela comunidade deixassem de existir.

    Londrina sempre será o berço dos movimentos populares do Paraná, muitos partidos cuja sua ideologia era defender e lutar pelos menos favorecidos.

     Essa história começou em Londrina, mas infelizmente foi se perdendo, por que os partidos políticos no papel era uma coisa, na prática era outra.

      Isso esta se repetindo nas associações de moradores, entidades que na prática é formada para representar e defender a sua comunidade.

       O que esta acontecendo em Londrina?

     As entidades foram formadas, mas só tem a representatividade no papel, esta com a boca calada e defendendo políticos que não tem compromisso com a comunidade, precisamos que estas entidades realmente exerçam a sua responsabilidade, lutar e defender os direitos dos cidadãos e cumprir o seu estatuto.

       A partir do momento que os presidentes respeitam o seu estatuto a sua comunidade passa a ter suas reivindicações respeitadas.

       Infelizmente o que esta acontecendo é que o presidente negocia através da sua credibilidade favores pessoais.

      Por estar sempre acontecendo isso tomamos a iniciativa de não mais articular com presidentes de associações de moradores em Londrina.

      Não que temos algo contra eles, na verdade respeitamos e muito, mas infelizmente não podemos confiar em todos os presidentes e trazer para dentro do movimento.

       Nossa organização respeita e sempre defenderá os Presidentes de associações de moradores sérios, vamos também dar prioridade em defender os direitos de nossos irmãos de luta, não somos mercenários, somos  Organizadores  Comunitários da Força Comunitária de Londrina.

Celso Melchiades

 

 

  

© 2010 Todos os direitos reservados.

Crie o seu site grátisWebnode